Pular para o conteúdo principal

Seja Homem


"Aproximando-se o fim de Davi, deu ele ao seu filho Salomão as suas (últimas) instruções:
Eu me vou, disse ele, pelo caminho que segue toda a terra. Sê corajoso: porta-te como homem.
Guarda os preceitos do Senhor, teu Deus; anda em seus caminhos, observa suas leis, seus mandamentos, seus preceitos e seus ensinamentos, tais como estão escritos na lei de Moisés. Desse modo serás bem-sucedido em tudo o que fizeres e em tudo o que empreenderes," 1 Rs. 2,1-3
O que está havendo com os homens em nossos dias? Porque muitos jovens tem se tornado metrossexuais e em alguns casos, homossexuais? Porque a virtude da virilidade/masculinidade tem sido tão desprezada e até atacada?
 
A finalidade do curso é auxiliar aos homens jovens, velhos, solteiros e casados, a redescobrir a masculinidade/virilidade sob a ótica cristã de uma perspectiva católica romana, com benefícios para mudança de si e para educação de filhos. Também tem a serventia de preparar as mulheres para reconhecer a conduta correta do futuro cônjuge e para as mães que querem colaborar na criação dos filhos.
Apresentação
 


Metodologia
O curso é composto de seis aulas online via EaD (as quais ficarão disponíveis SEMPRE para você assistir quando e como for melhor para você. As aulas também ficarão disponíveis para download).

Conteúdo Programático
1. Introdução: uma nota autobiográfica; 
2. O silêncio de Adão - O duplo problema da omissão e da desvirilização; 
3. O caráter do homem;
4. Marido de uma só mulher; 
5. Um homem de família;
6. Um homem a serviço de Deus e do próximo;  

Referências bibliográficas: 
- O silêncio de Adão, de Larry Crabb – Ed. Vida Nova; 
- O que ele deve ser se quiser casar com a minha filha, de Voddie Baucham  – Ed.Monergismo; 
-Boys will be men: Masculinity in troubled times, de Richard Hawley - Ed.P.S.Erickson; 
- Fundamentos bíblicos da masculinidade e feminilidade, de Wayne Grudem - Ed. Tempo de Colheita;
 - A educação do príncipe cristão, de Erasmo de Rotterdam - Ed. Senado Federal; 
- The Manual of Christian Knight, de Erasmo de Rotterdam - Ed. Methuen & Co.
- Rules of Civility & Decent Behavior, de George Washington - Ed. Foundations Magazine. 
Referências filmográficas:Band of BrothersO PatriotaJohn AdamsGods and Generals
Inscrições Permanentes
Valor: R$ 100,00 (Cem Reais)
Procedimentos de Inscrição:
1) A partir da abertura das inscrições faça a compra utilizando os botões do Paypal (cartão de crédito) e Pagseguro (boleto);
2) Depois da compensação, em até 03 (três) dias, você receberá um e-mail com instruções;
3) Caso não receba o e-mail, escreva para gbabadie@gmail.com

Compre Aqui
Paypal - Cartão de Crédito
Pagseguro - boleto bancário


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O papel do homem

“… liderar, sustentar e proteger mulheres …” As tragédias cotidianas muitas vezes revelam exemplos heroicos que a cultura hodierna tem desprezado. Luiz Carlos da Silva é um destes exemplos. Ele ficou conhecido quando, com o corpo em chamas, salvou a filha recém-nascida no Paraná, no dia 03 de julho. Trata-se de um verdadeiro homem no sentido mais intenso do termo: embora não tenha conseguido salvar a esposa, conseguiu salvar sua filha recém-nascida. Esta tragédia nos lembra que homens e mulheres não são iguais, são diferentes, e seus corpos ilustram essa diferença, explicitando papeis distintos na natureza. Obviamente os movimentos feministas e relativistas irão contradizer este fato, mas eles pouco importam pois não buscam a verdade, só semeando mentiras, confusão e destruição por onde passam. Estamos trabalhando desde a semana passada sobre o conceito sobre masculinidade e, agora, vamos refletir sobre a descrição do papel do homem frente ao sexo oposto: LIDERAR, SUSTENTAR …

Um Homem de Verdade

Compilei algumas citações do filósofo brasileiro Olavo de Carvalho de sua página do Facebook. Se você quiser ver estes e mais alguns visite o blog Olavo no FB. Homem Decente “Meu filho, o dever que você tem de trabalhar, de se sustentar, de prover as suas próprias necessidades e da sua família é parte integrante da sua vocação — se você se recusa a fazer isso, você não merece que a gente lhe dirija a palavra, porque você é subumano, você é um ladrão. O sujeito que acha que os outros ou que “a sociedade” tem a obrigação de sustentá-lo e não ele mesmo e, ainda assim, pensando com essa idéia baixa, nojenta, porca, ele ainda quer ser um escritor, um sujeito desses tem de apanhar […] Não vem com essa história de que você é artista e que não pode fazer isso. Porque os artistas que fugiram às suas obrigações, que tipo de gente são eles? Jean Jacques Rousseau? É disso que você está falando? É Jean Jacques Rousseau que você quer ser? Joga os filhos num orfanato para você poder fazer a sua car…

Onde estás, Adão?

Para começar a série de posts sobre masculinidade na Bíblia, é importante alertar aos leitores que não vou tratar dos problemas hermenêuticos e exegéticos dos textos bíblicos. Infelizmente, os teológos liberais enlamearam as águas do estudo da Bíblia com suas teorias heréticas e demoníacas. Então, vou partir do princípio que o relato bíblico é plenamente confiável, que o pentateuco foi escrito por Moisés (sim, a teoria documentária da Alta Crítica é uma patuscada sem tamanho) e que a discussão sobre se a Adão é real ou um mito não interessa ao menos no momento. A mim (e a você também) deve interessar as lições que o Espírito Santo quer ensinar quando inspirou o escritor bíblico a contar a história deste genuíno homem pecador, Adão. De antemão, antecipo que podemos encontrar em Adão, o primeiro homem, a soma de todos os erros e descaminhos que os homens do passado e os de hoje cometem. É possível enumerar algumas dessas “mancadas”, para ser elegante: 1) Adão foi chamado a dominar a te…